Pular para o conteúdo principal
Lily Allen é uma cantora londrina que ficou conhecida pelo seu álbum de estréia lançado em 2006 "Alright, Still", ficando com seu primeiro single em number one no Reino Unido. Agora em 2009 lançou o álbum "The Fear" e teve o single que intitula o cd também na primeira colocação nos charts britânicos. Como terceiro single Lily lança uma música no mínimo polêmica "Fuck You"



Look inside
Look inside your tiny mind
Now look a bit harder
Cause we're so uninspired,
so sick and tired
of all the hatred you harbour.

So you say
it's not OK to be gay
Well I think you're just evil
You're just some racist
who can't tie my laces
Your point of view is medieval

Fuck you (fuck you)
Fuck you very, very much
Cause we hate what you do
and we hate your whole crew
So please don't stay in touch

Comentários

Mauri Boffil disse…
ai não curti... não curto Lilly Allen
Sandra Timm™ disse…
Eu achava ela "legalinha" no início... cansei!

Sou tão volúvel!
Mô. disse…
Isso é que é liberdade de expressão.

Bjs
Mike disse…
Arrasou Lilly!
John Rômulo disse…
Passei a gostar mais dela com este novo albúm! ele eh muito bom!

blog show!

www.johnrmulo.blogspot.com
Mariposo-L disse…
Olha que coincidência baixei esse hoje :)

Um abraço
DO disse…
Isto é o que eu chamo de corajosa,rsss

abração,Rodrigo
Pedro disse…
Sei não, mas ultimamente tem tido tanto artista novo querendo chocar por chocar que eu já nem consigo perceber direito quais os que vão além disso.
Lou disse…
Adoro!

Beijos!

Postagens mais visitadas deste blog

Apego

Um dia, o Buda estava sentado na floresta com alguns monges. Eles tinham acabado de almoçar e já iam começar um compartilhamento sobre o Dharma quando um fazendeiro se aproximou deles. O fazendeiro disse: “Veneráveis monges, vocês viram minhas vacas por aqui? E tenho dezenas de vacas e elas fugiram. Além disso, eu tenho cinco acres de plantação de gergelim e este ano os insetos comeram tudo. Eu acho que vou me matar. Eu não posso continuar a viver assim”.
O Buda sentiu forte compaixão pelo fazendeiro. Ele disse: “Meu amigo, me desculpe, não vimos suas vacas vindo nessa direção”. Quando o fazendeiro se foi, o Buda se voltou para seus monges e disse: “Meus amigos, sabem por que vocês são felizes? Porque vocês não têm vacas para perder” Buda era contra bens materiais? Não! Ele queria  apenas que não fôssemos apegados a elas! Devemos viver no mundo mas sem precisar dele, conviver, amar as pessoas, sem dependência, viver o agora sem expectativas pelo futuro, deixar o passado e viver a etern…
"Você só se harmoniza com as leis da prosperidade quando pode se libertar do medo da pobreza que faz você perseguir o dinheiro e colocá-lo em primeiro lugar, o que pode, durante uma fase da sua encarnação até fazer com que você acumule alguma coisa, mas não significa que a prosperidade lhe visitou. Porque ter coisas não significa ser próspero. O fato de você ter não significa que se harmonizou com as leis da abundância. É possível que a prosperidade e a abundância te visitem apenas se você se libertou do medo da escassez e experienciou a plenitude. Então, todo o tesouro do universo está a sua disposição, mas você não se apega a nada porque sabe que não é seu; apenas está ali para você usar e servir ao propósito divino. Essa é a verdadeira riqueza e a grande sabedoria: Você usufruir das belezas do mundo, mas não ser escravo dele". 
Sri Prem Baba
---
Segunda começo um novo ciclo, estou de trabalho novo. Muito bom ter seu currículo reconhecido e na primeira entrevista depois do úl…

Estar junto não é estar presente!

Estar junto não é o mesmo de estar presente, porque pode-se estar longe e se fazer notar, pode-se não se ver e se fazer sentir.
Se fazer presente é algo que está nos detalhes. Uma ligação fora de hora, uma mensagem no meio da madrugada, o carinho na voz, uma visita surpresa, todos pequenos detalhes que somados fazem a grande diferença.
Mas cada um é o que é, sabe o que sabe, ninguém pode cobrar nada de ninguém, esses detalhes devem ser  espontâneos e não exigidos! Por isso que amor não se declara, mas se demonstra. Enfim, Next! E roda da vida não para de girar..
Ótimo domingo!